Depois das várias reduções de limite será que Recarga Pay Prime+ compensa?
O Recarga Pay alterou o valor dos planos e diminuiu o valor dos pagamentos sem taxas, anteriormente o usuário poderia pagar até R$1.000,00 em contas gratuitamente no cartão de crédito e R$5.000,00 sendo assinante do RecargaPay Prime Plus.

A assinatura do RecargaPay Prime+ era de R$9,99 mês e agora passou a ser de R$14,99, um aumento de 30% no valor da assinatura como também a redução de 40% no limite de pagamento definido de R$5.000,00 que vigorou até abril de 2020.

Muitos usuários reclamaram no ReclameAqui das alterações mas nada adiantou, a pergunta que fica é se vale a pena continuar sendo assinante/assinar o serviço pois a empresa alterou drasticamente todos os planos do free ao pago!
Sim, ainda vale a pena assinar  o RecargaPay, mesmo pelo valor de R$14,99 pois com este valor pode ser pago até R$3.000,00, através do PicPay ou Mercado Pago se pago boletos totalizando R$3.000,00 a taxa cobrada seria de R$89,70(levando em conta os 2.99% cobrados pelo serviço), obtendo uma economia de R$74,71 por mês utilizando o RecargaPay Prime+!

Em comparação com as maquinetas, utilizando a menor taxa (GetNet) de 2% se utilizado para pagamentos o usuário gastaria R$60,00 para cobrir R$3.000,00, continuando ainda o RecargaPay sendo a melhor opção, mesmo depois de todas as reduções!

Nunca utilizou o RecargaPay? Utilize o código wilgab401 e ganhe R$10 no seu primeiro uso!